Máquinas

DPS

Bem-vindo a uma Nova Era no Plantio: A Era da Distribuição Precisa de Sementes!

Buscando evolução e inovação, a Stara revoluciona o mercado brasileiro de plantio pneumático e traz mais uma grande novidade para o produtor rural: o DPS, um sistema pneumático de Distribuição Precisa de Sementes, com precisão nunca vista.

 

DPS

O sistema de Distribuição Precisa de Sementes é compacto e de fácil limpeza.

Para sua montagem, desmontagem e acesso aos seus principais componentes, não é necessário utilizar ferramentas. O DPS está disponível para as plantadoras com acionamento Control ou Mecânico (cardan ou corrente).

 

Apenas um disco por cultura

O DPS planta sementes de qualquer forma e tamanho, não hanvendo a necessidade de regulagem, é necessário apenas um disco para cada tipo de cultura.

 

Alta eficiência do sistema de vácuo

O DPS possui um sistema de câmara de vácuo menor que os dosadores convencionais, bem como uma vedação de alta eficiência, isto proporciona total aproveitamento do vácuo para sucção da sementes. Esta eficiência possibilita a semente aderir com maior firmeza ao disco de distribuição de sementes, evitando falhas por trepidações, garantindo assim maior precisão e agilidade no plantio. A otimização e aproveitamento total do vácuo na dosagem de sementes exige menor potência da turbina e consequentemente menor consumo de óleo diesel do trator.

 

Eliminação de sementes duplas

É equipado por um organizador com cinco hastes que realiza a separação de sementes e elimina a possibilidade de plantio de sementes duplas. O organizador não necessita de ajustes ou regulagens, independente do tamanho das sementes.

 

Firmador de semente

Dispositivo que firma a semente no solo logo após sua saída do tubo condutor, maximiza seu contato com o solo eliminando “bolsões” de ar em torno da semente.

O fato de toda superfície da semente estar em contato com o solo acelera o processo de germinação, proporcionando uma emergência antecipada e mais uniforme.

 

Sensor Inovador

O DPS é dotado de um sensor inovador que identifica o fluxo de sementes através de onda capacitivas, garantindo uma leitura precisa, pois identifica a massa da semente à ser plantada.

O sensor está posicionado no final do tubo de sementes, identificando uma possível falha no momento exato em que a semente encontra o solo.

O fato do sensor trabalhar através de ondas capacitivas evita que durante a queda a semente se atrite com o sensor, reduzindo consideravelmente o repique, o que não acontece com os outros sensores convencionais que são adaptados ao condutor de sementes.

O sensor está conectado ao Topper 4500, o que permite visualizar em tempo real o fluxo de sementes por linha e por metro, bem como eventuais entupimentos.

O sensor tem a capacidade de adaptar-se automáticamente à níveis tolerantes de resíduos, informando através do Topper 4500 o nível de resíduo do tubo condutor.

 

Tubo de sementes diferenciado

O sistema DPS possui tubo condutor de sementes que foi desenvolvido em material especial, angulação e superfície diferenciada. Isto proporciona suavidade no fluxo das sementes até o solo, reduzindo ao máximo o dano mecânico nas sementes.

Fotos